MPCE: inovações para os Ministérios Públicos são discutidas no Ceará

25/10/2019 | 4 min. de leitura

A transformação digital vai muito além de adotar tecnologias. É também ter um mindset inovador, compreender o funcionamento dos sistemas utilizados e estar em constante evolução.

Tudo isso foi discutido no último dia 21 de outubro em Fortaleza, Ceará. Membros e servidores do Ministério Público do Ceará participaram da terceira edição do Fórum Estratégico de Soluções Tecnológicas.

O Fórum Estratégico tem como objetivo colocar os usuários do SAJ Ministérios Públicos no centro do planejamento estratégico da instituição, somando esforços para resolver desafios e pensar em novas soluções. A primeira edição ocorreu em Mato Grosso do Sul, no primeiro semestre de 2019.

Membros do MPCE participaram do evento e puderam sugerir melhorias para o SAJ MP

Ideias em prática

Ao longo do dia foram realizadas dinâmicas em grupo com os membros do MPCE. Eles puderam construir em conjunto soluções para os desafios da instituição.

“Esse momento é muito engrandecedor para a instituição. Nada melhor do que ouvir as sugestões de quem utiliza o sistema no dia a dia. É importante que a gente passe a pensar novas formas de trabalhar com o sistema e ser ainda mais eficiente”, compartilha Haley de Carvalho, secretário-geral do MPCE.

Dr. Haley compartilha novas funcionalidades para o SAJ MP

Futuramente, essas propostas serão analisadas e planejadas para serem colocadas em prática. Como resultado, os membros poderão sentir os resultados de suas próprias ideias.

“Essa é uma ação da Softplan de aproximação com os Ministérios Públicos. A gente trabalha para ouvi-los e entender o que precisam para atingir os principais objetivos como instituição pública”, comentou o executivo da Softplan Alexandre Vedovelli, ao início do evento.

Membros do MPCE participam do workshop para sugerir melhorias ao SAJ MP

Novidades apresentadas no MPCE

Ao longo do evento, a equipe da Softplan apresentou a evolução da solução, a transformação digital nos MPs, os desafios da gestão, a nova versão do SAJ MP e as projeções para 2020.

Entre as novidades apresentadas por Kleber Teixeira, gerente de produto na Softplan, está o painel para acompanhamento de processos relacionados à Lei Maria da Penha. Com a aplicação da Inteligência Artificial (IA), uma varredura automática será realizada para identificar os processos que fazem parte da classificação e extrair dados sobre os casos.

Kleber realizou demonstrações das novidades para o SAJ MP em 2020

Além disso, processos que não estão classificados serão avaliados pelo sistema para verificação e, caso se enquadre à Lei, o sistema dará a sugestão de ajuste de classificação. Esse monitoramento faz com que aumente a exatidão dos dados.

Essa ação irá auxiliar o MP a tomar medidas preventivas, já que será possível ver detalhes como horário e locais de maior registro da ocorrência. A funcionalidade também fará o envio automático de dados ao CNMP, conforme a resolução 135.

“Nós adotamos práticas que permitem que a gente escute mais nossos usuários. Isso traz mais valor quando realizamos entregas, já que elas são baseadas no que os membros do MP nos solicitam e assim podemos garantir mais benefícios para a sociedade também” compartilha Kleber.

Capacitações online sobre o SAJ MP já estão disponíveis no Quíron. Outra inovação para 2020 será a Promotoria Digital. A solução será ainda mais acessível, interativa e com uma melhor experiência para os usuários.

“O grande objetivo da nova versão é simplificar o uso do sistema. A versão web é um avanço necessário, já que, com a vida corrida que levamos, sempre que tivermos tempo, seja onde for, a gente possa trabalhar sem ficar restrito a um único caminho”, disse o procurador-geral de Justiça, Plácido Rios.

MPCE Digital

A expansão do Sistema de Automação da Justiça encerrou seu ciclo após 1 ano e 3 meses. Com a instalação da promotoria piloto em novembro 2018, o processo digital já está presente em 184 municípios do Estado do Ceará.

São mais de 150 comarcas implantadas, com 175 turmas capacitadas presencialmente em todo o Ceará. Para o PGJ, os resultados da implementação do SAJ MP são uma grande conquista.

“Precisou que a gente tivesse um foco muito grande nesses projetos estratégicos e eu acho que foi um caminho muito vitorioso. É uma conquista muito grande para o Ministério Público do Estado do Ceará ter implantado, em pouco tempo, todo um sistema de automação em nossa instituição”, comemora Rios.

O PGJ destaca, ainda, a importância da interação entre MPCE e Softplan para aprimorar o sistema e tornar a atuação ministerial mais ágil e eficiente. Um dos resultados da eficiência está no número de peticionamentos. Em novembro de 2018 foram registrados 132, já em setembro de 2019 o número cresceu para mais de 28 mil.

“Nós precisamos ter essa estrutura de trabalho para atuar no combate à criminalidade e à corrupção, aos direitos sociais difusos. Essa é a razão pela qual a gente precisa ter um sistema cada vez mais ágil e eficiente”, conclui Rios.

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram