Convex: Jurídico da MRV Engenharia adota solução inovadora de jurimetria e inteligência artificial

25/03/2019 | 3 min. de leitura

A Justiça brasileira tem hoje uma demanda alta de processos judicias que envolvem o segmento imobiliário. A fim de viabilizar soluções mais rápidas e efetivas, a construtora a MRV Engenharia definiu estratégia pioneira focada no relacionamento com os clientes e em ações que diminuam o número de processos judiciais que envolvam a empresa.

Identificar os motivos que levam os clientes a formalizar suas insatisfações e apontar proativamente melhores possibilidades de acordos, por exemplo, são algumas das estratégias. Para isso, o departamento jurídico da MRV adotou o Convex Legal Analytics, solução de jurimetria que usa inteligência artificial e permite uma gestão detalhada dos processos judiciais da construtora. O Convex é desenvolvido pela Softplan, empresa líder em transformação digital, analytics e inteligência artificial para o ecossistema da Justiça.

“Não queremos focar em ganhar processos. Queremos atuar para que não tenhamos mais processo judicial algum”, explica Guilherme Freitas, gerente executivo jurídico da MRV. A adoção desta nova tecnologia é uma ação para consolidar o departamento jurídico da MRV como uma área estratégica, atuando diretamente com geração de receita, mapeamento de soluções e projetos que melhoram a satisfação dos clientes. O objetivo é atuar na causa-raiz dos problemas que levam ao litígio.

Previsibilidade

Por meio da jurimetria e da Ciência de Dados aplicada ao Direito, o Convex aponta as principais chances de perdas e ganhos na Justiça. É possível fazer isso com base no histórico da empresa e de alguns padrões de comportamento das ações judiciais, como o estilo de trabalho de um determinado magistrado, indicadores de litígio por região, entre outras variáveis. “A tecnologia ajuda a identificar rapidamente as possibilidades de oferecermos um acordo realmente justo para o cliente. Vamos ainda trabalhar em conjunto com a Ouvidoria, para resolver estas insatisfações antes que se tornem ações na Justiça”, explica Freitas.

“O Convex traz previsibilidade e isso permite atuar preventivamente. Um acordo é sempre melhor do que um processo judicial. Isso gera respostas mais rápidas aos cidadãos e economicidade à empresa e aos Tribunais, que passam a ser menos demandados”, argumenta Marcos Florão, diretor de Inovação da Softplan.

Antes da solução de jurimetria, a MRV tinha um número enorme de informações que eram pouco aproveitadas. “Agora, conseguimos organizar todos os dados e usá-los de forma que seja possível identificar rapidamente nossos principais pontos de atuação. Com esta estruturação, poderemos tirar do papel vários projetos, como as estratégias que trabalham a satisfação do cliente. Um produto da MRV é o sonho de alguém e não pode ser trocado no caso de alguma falha. Nossos clientes vivem dentro desses imóveis e não podemos permitir que se sintam insatisfeitos sempre que chegam em suas casas”, reforça o gerente executivo jurídico.

Esta é uma iniciativa absolutamente inovadora dentro de departamentos jurídicos. Com a jurimetria, a MRV poderá tomar ainda mais atitudes humanas e socialmente responsáveis. Antes do Convex, este tipo de atuação era limitado por falta de ferramentas adequadas. As tomadas de decisão eram apenas intuitivas e não baseada em dados reais.

Como funciona a jurimetria em departamentos jurídicos

O Convex Legal Analytics reúne uma visão completa e detalhada de todos os processos judiciais, históricos ou em andamento de uma organização, com análises diagnósticas, preditivas e prescritivas. A partir destes dados, cenários futuros confiáveis são construídos, baseados no comportamento dos processos em andamento. Os usuários podem encontrar padrões em decisões anteriores da mesma matéria e avaliar o uso de teses jurídicas que têm maior grau de eficácia.

“O Convex nos proporciona uma visão muito além da que estávamos acostumados. Possibilita expandir a forma como vemos a empresa, viabilizando uma gestão clara e didática sobre todo o nosso histórico. Isso será fundamental para entendermos cada vez mais as dores de nossos clientes e colaboradores e criarmos ações de relacionamento mais eficazes”, destaca o gerente executivo jurídico da MRV.

Com a nova tecnologia, a construtora poderá encontrar mais facilmente os erros durante a tramitação dos processos, levando em consideração a postura de seus colaboradores nas tratativas para solucionar os casos. O departamento jurídico da MRV conta com mais de 70 profissionais alocados pelo país e o Convex ainda facilitará a padronização de suas atividades em todas as regiões do Brasil. Isso é possível por meio da aplicação da inteligência artificial para extração de elementos do raciocínio jurídico.

O segmento imobiliário ainda enfrenta fraudes com certa recorrência e a jurimetria ajuda no mapeamento de ações judiciais que têm características suspeitas, como uma quantidade grande de pedidos de indenização feitos por um mesmo advogado.

“A jurimetria e a inteligência artificial estão mudando profundamente a advocacia. A utilização do Convex permite definir estratégias extremamente personalizadas e efetivas, pois a análise de uma quantidade enorme de dados pode ser feita de forma muito mais simples, rápida e assertiva”, ressalta o diretor de Inovação da Softplan.

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram