4 dicas de como escolher o melhor software jurídico para a sua realidade

18/10/2019 | 4 min. de leitura

O uso de um software jurídico se tornou fundamental para a adaptação dos escritórios de advocacia aos avanços tecnológicos da Justiça brasileira. 

Com um mercado de lawtechs repleto de opções, escolher o melhor software jurídico pode se tornar um desafio. Isso porque é preciso saber se, de fato, o software vai atender suas necessidades, demandas e permitir realizar uma gestão de atividades adequada. 

Sabendo dessa dúvida, separamos 4 dicas pra te auxiliar na escolha, além de te ajudar a entender quais as funções de um software para escritório de advocacia. 

Confira como escolher o melhor software jurídico

  • Mapeie sua rotina

Quantos advogados seu escritório tem? Qual o fluxo de processos? Como ocorre o atendimento ao cliente? Entender como funciona a rotina do seu escritório é um grande passo para saber o que você precisa em um software jurídico e como ele pode te auxiliar. Com o funcionamento em mãos, os próximos passos tendem a ficar ainda mais claros para a escolha da solução.

  • O que é essencial para seu escritório e quais os objetivos a longo prazo 

Saber quais problemas você precisa resolver é um outro fator importante. Seu escritório já tem maturidade para aplicar inteligência artificial? Você precisa evoluir no controle financeiro? Respostas como essas podem indicar o caminho para o que é essencial no momento. Com isso, é possível entender quais os objetivos a longo prazo para o escritório e se o software tem tudo o que você precisa para evoluir.

  • Entenda a diferença de planos disponíveis 

Muitas vezes são oferecidos recursos que não são necessários dentro da sua realidade. Por isso, é importante avaliar os planos e entender a diferença entre eles. Assim, é possível visualizar qual fará mais sentido para o seu escritório.  

Muitos softwares oferecem teste gratuito ou demonstração guiada, além de uma equipe que pode te auxiliar na hora de escolher um plano. Consultar colegas de profissão que já utilizam algum software também é um bom caminho para tirar dúvidas e conhecer melhor o funcionamento da solução.   

  • Verifique a integração com outros softwares 

Os Tribunais de Justiça de diferentes estados tentem a utilizar diversificados softwares de gestão processual. Esse ponto se torna importante para saber se o software para o seu escritório irá realizar uma comunicação direta com os Tribunais em que você atua sem que isso afete seus prazos, por exemplo. 

Outro tipo de integração para se verificar é a entre diferentes softwares de edição de dados e documentos, como o Office 365. Muitos casos utilizam a integração via API, o que possibilita a extração de dados de ferramentas de gestão financeira, jurimetria, CRM, entre outros. 

Como um software jurídico pode auxiliar o dia a dia da advocacia 

Além de seguir nossas dicas para saber como escolher o melhor software jurídico para a sua realidade, entendemos que é preciso saber como ele pode te auxiliar diretamente nas atividades. Confira os tópicos da nossa dica extra:  

  • Controle de andamentos e calendário 

Para prestar um bom atendimento ao cliente e atuar com excelência nos seus processos, é preciso ter um bom controle dos seus andamentos e prazos. Realizar um controle manual de andamentos pode trazer mais chances de falha, além de dificultar, muitas vezes, a comunicação entre os demais advogados e estagiários que trabalham no processo, gerando inúmeros problemas no escritório. 

Com um software jurídico, o escritório possui mais controle dessas atividades. Isso porque, o registro de todas as movimentações do processo é feito diretamente no software, facilitando a organização das informações e dados. 

Outra funcionalidade bastante útil em um software é o calendário. Com o uso dessa funcionalidade, o advogado pode visualizar todas as suas tarefas diárias, semanais ou mensais, tornando mais fácil a organização e o controle das tarefas do escritório. 

  • Gestão de documentos 

Hoje não existe mais tempo na advocacia para que o profissional passe horas apenas para localizar um determinado documento. Assim, uma boa gestão de documentos tornou-se uma questão essencial dentro dos escritórios de advocacia. 

Com um software alocado na nuvem, é possível que o escritório organize os documentos de clientes e de processos de acordo com as suas necessidades e sem o risco de “perder” dados.

  • Gestão financeira 

Administrar corretamente seu escritório e ter controle de tudo o que acontece financeiramente proporciona um crescimento econômico. Gerenciar pagamentos, recibos, atividades e permissões de acesso sem o uso de diversas planilhas da uma dimensão muito mais assertiva para o escritório. 

Um módulo financeiro permite fazer toda a gestão econômica do escritório. Isso inclui o gerenciamento das despesas fixas mensais (aluguel, pagamento de salários, etc) e os honorários previstos.

  • Comunicação integrada no escritório 

Em um escritório com diversos advogados e estagiários, saber o que cada um está fazendo pode se tornar trabalhoso. Isso porque, caso as demandas sejam compartilhadas apenas por e-mail ou planilhas, as datas e atividades podem se perder. 

Ter uma interação com o time diretamente de dentro do software evita que se faça um microgerenciamento e com isso a comunicação interna e a gestão de atividades fica mais transparente. Além disso, uma comunicação integrada facilita o trabalho remoto, já que é possível delegar e acompanhar as tarefas de qualquer lugar.

  • Aproximação com o cliente 

Todos os benefícios acima levam a uma aproximação maior com o cliente. Porém, ter uma área específica do cliente no software jurídico pode estreitar a relação, dar mais confiança e conhecimento. Isso porque, com um software jurídico é possível que o escritório pode forneça o acesso a processos e atendimentos registrados aos seus clientes. 

Atividades, documentos e andamentos processuais capturados pelo software podem ser consultados em tempo real pelos clientes do escritório. 

Quais as vantagens de investir em um software jurídico? 

Levantamos algumas dicas que consideramos essenciais para preparar a sua atuação na advocacia digital e largar na frente nesse novo momento do mercado jurídico. O eBook gratuito “Advocacia digital: como as tecnologias podem auxiliar no exercício do Direito” surge para desmistificar o papel das soluções na atuação do advogado.

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram